Bolhas de Lembranças
 

E essa pequena tristeza, tão pequena que nem se quer me cabe do lado de dentro, faz minhas lembranças saírem ao Sol, e disso um dia nublado nasce enquanto tudo mais morre, e morrem, como se fossem grandes bolhas de sabão, que pesadas de si mesmas - por mais belas que sejam - são um mundo sem você e agora sem mim, do lado de fora de seu nome eu não tenho o meu, e olho ansioso tanto quanto uma alegria de criança diante de  seu brinquedo tão efêmero se colorir de céu.

Nas que resistem e que vão com o vento, tão leves quanto aquele coração que tinha quando te tinha, enviei:

"- Me leva."

domingo, 13 de janeiro de 2013 - 03:12

            Lopes Castro Gustavo


 
  • Fotos&Desenhos:
    -Lopes Castro Fotos
    -Corra Gu! Corra!
    -Photofilia

  • Outros blogs:
    -Entre Lá e Aqui
    -Bem Aventurado
    -Os Jardineiros
    -Espírito Motor
    -Habeas Corpus

  • Blogs que leio:
    >Cecília Braga - BA
    >Dan Ploc - SP
    >E-Brabo - PR
    >Ei João! - SP
    >Helder Caldeira - RJ
    >João Diel - SP
    >Marco Aurélio - SP
    >Música&BlaBlaBla - RJ
    >Rita Apoena - RS
    >Roberta De Felippe - SP
  • Marca-passo
  • Alvorada do Ontem
  • Preparado pra deixar
  • Águas de Voz
  • Janelas para Dentro
  • O Sacrifício de Cada Dia
  • Boas Vindas
  • Prece de Deus ao Homem
  • Sobre o Encontro
  • Dos dias de ir.
  • 02.2008
  • 03.2008
  • 04.2008
  • 05.2008
  • 06.2008
  • 08.2008
  • 09.2009
  • 04.2010
  • 07.2010
  • 10.2010
  • 11.2010
  • 12.2010
  • 04.2011
  • 01.2012
  • 05.2012
  • 06.2012
  • 07.2012
  • 08.2012
  • 09.2012
  • 10.2012
  • 11.2012
  • 12.2012
  • 01.2013
  • 02.2013
  • 03.2013
  • 04.2013
  • 05.2013
  • 08.2013
  • 09.2013
  • 11.2013
  • 12.2013
  • 01.2014
  • 02.2014
  • 03.2014
  • 07.2014
  • Último post
  • rodapedoblog01p (162K)